24.6.05

Carta de Apresentação

Alô Mundo. Alò Pátria Lusa. Alô Povo Portugués. España te convoca. Chamo-me André e tenho aquela idade em que não sendo ainda um crescido, não sou também uma criança. O mesmo é dizer que por burocracias várias do destino sou já um arquitecto ainda que não seja ainda arquitecto. Chama-se-lhe Estágio, por aquí, se lhe chama de Praticas. O passado em conspiração maquiavélico com o presente e com o absoluto desconhecimento do futuro ofereceram-me emprego em Madrid como arquitecto, sendo que, todavía, isso em Portugal me vale como Estágio. Nada mal. Aquí, a vida descorre e os minutos passam, passam sem deixar uns livres para os contar. As tarifas de contacto com Portugal são em euros e não mais em escudos e a saudade, inevitavelmente é uma das primeiras vítimas de tamanho logro económico. Assim, em tentativa desesperada que as minha bem-amadas origens nao me olvidem, me lanço nesta epopeia já antes degustada de me revelar a cada dia, ou noutro intervalo que seja, a vós, caros compatriotas, concidadãos, confamiliares, conamigos e demais con’s que não se queiram emiscuir. A todos, um sincero benvindo a bordo!

9 Comments:

Blogger Joana said...

Um grande bem haja... Conto contigo para animares as hostes cibernéticas. Baci

6/24/2005 6:13 da tarde  
Anonymous James Meeeuuu said...

O Joãozinho entra no quarto e vê o seu pai a colocar uma camisinha.
>O pai, muito embaraçado, tenta esconder a sua erecção e a respectiva
>camisinha, baixando-se, de imediato para simular a procura de algo
>debaixo da cama.
>Joãozinho diz:
>- O que estás a fazer, papá?
>O pai responde:
>- Eu acho que eu vi um rato debaixo da cama.
>Joãozinho responde:
>- E vais enrabá-lo ???

6/24/2005 6:14 da tarde  
Anonymous James meeuu said...

Cebolas já viste as horas?
São 4h00 manhã e escreves textos para os amigos que mais parecem serem escritos por uma solteira com 55 anos, que vive e dorme sozinho à 20 anos!
Repensa bem a tua vida rapaz! Queres que eu te vá buscar?!
James Meeuu

6/24/2005 6:18 da tarde  
Blogger Arroz de Estragão said...

Já alguém te disse que entraste de passadeira vermelha?

Ainda bem que tás de volta para histórias nos contares.

Um grande abraço.

6/24/2005 9:59 da tarde  
Blogger maria borboleta said...

bem vindo!É um prazer ouvir as tuas histórias, mesmo que agora estejam ao vento! beijo grande

6/24/2005 10:07 da tarde  
Anonymous marianita said...

para falar ao vento...

"Onde será que isso começa
A correnteza sem paragem
O viajar de uma viagem
A outra viagem que não cessa?"

Caetano Veloso, in "Um Estranho em Goa" de José Eduardo Agualusa

beijos, andrézito, espero que as chicas te estejam a "tratar" bem!!!

6/24/2005 11:44 da tarde  
Blogger sushi lover said...

de espanha, portanto agora vem BOM VENTO! Q bom! Espero q sejas uma brisa cibernética refrescante!
Welcome back! Demoraste tanto a voltar aos blogs pah!

6/25/2005 4:44 da tarde  
Anonymous *nes said...

Vou ficar atenta a essas palavras grandes,palavras pequenas momentos, palavras a bons ventos!

Como diz a Sushi demoraste muito tempos a voltar aos blogs..pah!

Que sejas Bem-Vindo e qq dia apanha boleia desse vento e vem até cá.

Beijinhos!

6/26/2005 5:31 da tarde  
Anonymous Marta said...

Andrezinho lindo!

Bons Ventos o tragam até nós para diminuir a distância e apaziguar a saudade.
Contigo, comigo, connosco...

6/26/2005 9:53 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home